EPAGRI/CIRAM
EPAGRI CIRAM
Primavera
Início:23/09 Fim:22/12
primavera2.png

Pesquisadores da EPAGRI/CIRAM apresentam trabalho VIII Workshop Catarinense de IG

hamiltonjustino 011119

A EPAGRI/CIRAM apresentou trabalho no VIII Workshop Catarinense de Indicação Geográfica e VII Mostra de Produtos Tradicionais na Assembleia Legislativa de Santa Catarina. No âmbito do projeto da “construção” da Indicação Geográfica na modalidade de Denominação de Origem (DO) do Mel de Melato do Planalto Sul Brasileiro envolvendo o planalto de Santa Catarina, sul do Paraná e norte do Rio Grande do Sul, foi feita abordagem sobre os países produtores de mel de melato, plantas mais significativas e insetos que fazem parte deste contexto.

Conforme o trabalho, os países que produzem significativas quantidades de méis de melato são os países europeus Alemanha, Itália, França, Suíça, Grécia, Turquia, Eslovênia, República Tcheca, Bulgária, Croácia, Servia e outros como a Tunísia, Nova Zelandia e também o Brasil.

As plantas em destaque seriam as coníferas, ou seja, pinheiros, tipo “pinus”, as árvores de “vime”, o carvalho, citrus, entre outras. No Brasil já são bem conhecidas as árvores de Aroeira em Minas Gerais e a Bracatinga nos três estados do Sul.

Os insetos mais presentes são as chamadas vulgarmente de Cochonilhas, pulgões e também a cigarrinhas.

A produção de mel de melato é sustentado por um complexo e sensível ecossistema envolvendo plantas, fungos, abelha doméstica, abelhas sem ferrão, vespas, formigas, entre outros. A matéria prima para a produção do mel de melato passa por três “Filtros”, PLANTA – INSETO – ABELHA. Mudanças climáticas e a ação do homem podem interferir negativamente neste rico ecossistema se não for feito conscientemente.

Contato:

Hamilton Justino Vieira

E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Telefone: 48 3665-5173